Páginas

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

ERA UMA VEZ... O CHEIRO DO NATAL

           Então é Natal... “Então bom Natal, e um ano novo também”!

Canto de Natal (Manuel Bandeira)

O nosso menino
Nasceu em Belém.
Nasceu tão-somente
Para querer bem.

Nasceu sobre as palhas
O nosso menino.
Mas a mãe sabia
Que ele era divino.

Vem para sofrer
A morte na cruz,
O nosso menino.
Seu nome é Jesus.

Por nós ele aceita
O humano destino:
Louvemos a glória
De Jesus menino

         Como este soneto me transporta para minha infância quando ilustrávamos nossos cadernos ou confeccionávamos nossos cartões de Natal! Já não desfruto do Natal com o mesmo prazer de antes. Antes, significa muitos anos, décadas atrás... Quando o Natal era uma época mágica, havia magia na montagem da árvore que na minha casa não passava de um galho de árvore coberto de algodão e enfeitado de bolinhas coloridas que a cada ano eram repostas, pois iam quebrando e diminuíam de quantidade a cada ano, havia magia na montagem do presépio, havia magia na preparação dos bolos e da rabanada, havia magia em esperar o papai Noel e mesmo quando já não se acreditava mais, a magia estava na espera do presente que ficava escondido até aquele esperado dia, havia magia no colorido das luzes que decoravam as ruas, lojas e casas, havia magia nas mensagens enviadas e recebidas nos famosos e esquecidos cartões de Boas Festas que se esperava ser entregues pelo carteiro, havia magia em passear com minha mãe para ver a decoração da cidade, havia magia em vestir roupa nova para ir a Missa do Galo... O mês de dezembro era mágico, tinha um cheiro, um colorido, um ar de festa diferente...
           Hoje o mundo mudou, as pessoas mudaram, as coisas mudaram, a tecnologia se impôs tornando a vida mais confortável, mais plasticamente bonita mas, também com muita correria, estresse...sem o prazer das pequenas coisas, até os cartões são virtuais , até as canções de Natal não evocam mais o verdadeiro espírito natalino de alegria, fraternidade e amor. Nesta nossa berlinda só se pensa em comprar, comprar e o Natal se transformou em simples trocas de presentes, amigos ocultos e lá se foi o verdadeiro sentido do Natal, expulsaram o Jesus da própria festa... Que pena, não sinto o cheiro do Natal, na minha infância ele tinha um perfume especial que emanava do ar!

Dezembro (Carlos Drummond de Andrade)

Quem me acode
à cabeça e ao coração
neste fim de ano,
entre alegria e dor?

Que sonho,
que mistério,
que oração?

Amor.

5 comentários:

  1. Drummond é Drummond né...sem comentários!!
    Passei pra te desejar um Natal com muita saúde, paz e amor...e que 2011 seja do jeito que vc imagina...feliz...de sucesso...recheado de surpresas felizes!!
    Bjs...
    Jad

    ResponderExcluir
  2. Oi Jad!
    Obrigada e um Bom Natal e um ano novo repleto de realizações para você também!

    ResponderExcluir
  3. E vc, por muitos anos, nos proporcionou este prazer...em montar árvore, na espera dos presentes escondidos e a nossa imensa ansiedade mesmo quando não acreditávamos mais no papai noel! Temos é que te agradecer por essa magia! Bjos

    ResponderExcluir
  4. Graças a Deus,
    Temos nossa literatura e nela esses poetas tão especiais que você tão bem soube reunir por aqui.
    Obrigado!
    ;-)

    Você cê sabe que tudo o que vc evocou é muito sério mesmo. Eu acho que o ideal é a gente proporcionar às crianças esse natal de magia e de Jesus. Eu comprei uma luzinhas porque não tínhamos pensado nisso na casa repleta de adultos e foram um sucesso com os meus sobrinhos pequeninos.Eu pensei neles porque lembrei-me dos meus natais na infância... E, então, quando eles crescerem poderão dizer isso mesmo: na minha infância, o natal...rsrsrs

    ResponderExcluir
  5. Oi Josafá!
    Antes de mais nada obrigada pela visita.
    É muito importante formar nas crianças essa imagem lúdica do Natal, senão essa imagem, essa mágica do natal vai se perder mais ainda!
    Precisamos sempre dos nossos poetas para dar um sentido mais serenoa nossa realidade, estou sempre buscando socorro nas palavras deles.
    Um feliz 2011!

    ResponderExcluir

Gostei de sua visita, volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...